Na véspera de começar a festa mais esperada do ano os moradores de Capim Branco não receberam boas notícias. A juíza de Matozinhos, que responde pela cidade de Capim Branco, decidiu proibir a festa nas ruas da cidade, com a alegação de "falta de segurança".

De acordo com o prefeito da cidade, Romar Ribeiro, “houve um atraso na entrega da documentação e com isso o alvará judicial para a realização do Carnaval nos foi negado”. Com a decisão da Juíza a festa terá que acontecer em um local fechado, sem a participação das escolas de samba.

Foto: www.informatoz.comFoto: www.informatoz.com

Segundo Romar Ribeiro a prefeitura ainda tentará com os Bombeiros uma liberação para que a festa não seja impedida. A cidade possui várias escolas de samba tradicionais que esperam que a decisão seja revista, afinal, trabalharam o ano inteiro e investiram muito tempo e dinheiro nas alegorias e fantasias. Moradores da cidade se reuniram na porta da prefeitura para pedir providências. 
Uma parceria com a Polícia Militar poderá garantir a realização do Carnaval em Capim Branco. A juíza ratificou que o embargo aconteceu porque o alvará não foi solicitado dentro do prazo exigido por lei.

Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.