Acontece entre os dias 12 e 18 de abril de 2021 o Festival Janelas Roseanas, de forma virtual.

Quantas janelas um escritor é capaz de abrir? Quantas pessoas se assomam a essas janelas e passam a olhar o mundo e a si mesmas de outra perspectiva? A literatura de alta tensão, que nunca se esgota, que é necessário ler, reler e transler, é uma janela que propõe enigmas e múltiplas leituras e abre outras e infinitas janelas. Na obra do escritor mineiro Guimarães Rosa (Cordisburgo, 1908-Rio de Janeiro, 1967), a janela é uma moldura narrativa potente, que nos convida a adentrar no vasto mundo do sertão, que “está em toda parte” e “dentro da gente”. 

Em um 2020 desafiador, passamos a olhar o mundo de janelas reais e virtuais. Para manter a literatura viva, os integrantes da Oficina de Leitura Guimarães Rosa IEB-USP se encontraram em uma plataforma digital. Parte desse grupo também produziu uma Semana Roseana em parceria com o IEB-USP e mais de 40 podcasts. Dessa experiência nasceu o Janelas Roseanas, projeto inscrito no PROAC emergencial que foi contemplado e está em fase de produção, com estreia prevista para 12 de abril.

Ao longo de mais de 20 anos são tantas as janelas que do sertão de São Paulo se abriram para o sertão de Rosa que foi difícil definir as sete que compõem este festival-mosaico: “7 Diálogos do sertão de cá com o sertão de lá”, além de um bônus: a Bitaca do sertão, um bazar online com muitas belezas do Brasil profundo. 

No Festival Janelas Roseanas, Cordisburgo estará presente nas seguintes lives:

  • Veredas Acadêmicas, com Brasinha, Marcia Morais e Cecilia Marks.
  • Janelas da Memória, com Ronaldo Alves e Beth Ziani.
  • Janelas do Narrar, com Dôra Guimarães, Elisa Almeida e Fernanda Rivitti.
  • Grande Minhocão: Veredase outras Veredas, com Fábio Barbosa, Gil Veloso e Almir Paraca.

Além de produtos dos artesões que serão vendidos no bazar virtual Bitaca do Sertão.

Tiago Goulart também está presente na criação do folder e da identidade visual do evento. 

Somos que vamos. Nos acompanhem nesta travessia.


Ilustração: Tiago Goulart
Texto: Regina Pereira

Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.