A segunda onda da propagação da Covid-19 na região fez com que Sete Lagoas chegasse a seu limite, lotando todos os leitos de UTI disponíveis na cidade.

Com esta situação a população de toda a região fica desamparada, visto que a escalada nos números de infectados é uma realidade de quase todos os municípios.

De forma emergencial, o prefeito de Sete Lagoas Duílio de Castro anunciou nesta quarta-feira que dez novos leitos de UTI devem ser inaugurados nos próximos dias, além da contratação de mais profissionais de saúde.

Esta ampliação será possível graças a atuação conjunta dos quatorze municípios que fazem parte do Consórcio Intermunicipal de Saúde da Microrregião de Sete Lagoas - CISMISEL: Araçaí, Baldim, Cachoeira da Prata, Caetanópolis, Cordisburgo, Fortuna de Minas, Inhaúma, Jequitibá, Maravilhas, Papagaios, Paraopeba, Pompéu, Santana de Pirapama e Sete Lagoas. Juntos, este municípios repassarão o valor de R$ 400.000,00 para os gastos, através do consórcio. A decisão foi tomada em reunião nesta terça-feira, com a presença dos prefeitos e representantes da saúde destes locais.

Neste momento faz-se necessária a consciência de toda a população intensificando todas as medidas de segurança a fim de resguardar a própria saúde a vida do próximo.

Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.