Pelo menos 200 ocorrências de incêndio foram recebidas pelo Corpo de Bombeiros, em Minas Gerais. As queimadas, associadas à baixa umidade do ar e à falta de nuvens, são responsáveis por um fenômeno que pôde ser visto no céu: o sol ficou vermelho intenso ao se pôr, neste domingo (4).

Segundo Claudemir, não há previsão de chuvas pelo menos na primeira quinzena de outubro. A temperatura, que chegou a 33,1ºC neste domingo deve se elevar ainda mais, atingindo 36ºC na próxima terça-feira (6), o que pode deixar a umidade em níveis críticos. Neste domingo, a umidade do ar estava em 31%, mas na véspera, chegou a 19%.


Incêndios pelo estado

O Corpo de Bombeiros atendeu 142 chamados no interior do estado. Vinte e seis estão em fase de finalização.

No Parque Nacional da Serra do Cipó, na Região Central de Minas, o incêndio já dura sete dias. Os bombeiros começaram a atuar na região na última segunda-feira (26). Cerca de 130 pessoas, entre bombeiros, brigadistas e voluntários, combatem as chamas em quatro frentes específicas.

A maior delas fica na Serra de Confins, onde militares precisam atuar para que os focos apagados não tenham nova ignição. As aeronaves do Corpo de Bombeiros continua atuando na região.

Um incêndio também atinge a vegetação do Parque Estadual do Itacolomi, em Ouro Preto, na Região Central de Minas Gerais. As chamas, segundo os bombeiros, começaram neste sábado (3).


Por G1

Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.