O sacerdote, Pe. Antônio Valmir, conhecido como Padre Toninho, pároco da Paróquia Sagrado Coração de Jesus em Cordisburgo (MG), ao passar por uma consulta médica na terça-feira, dia 18 de agosto, recebeu encaminhamento para internação hospitalar após testar positivo para covid-19. O que se deu no mesmo dia, no Hospital da Unimed de Sete Lagoas.

Devido aos sintomas apresentados, que apontavam para a possibilidade de um diagnóstico da Covid 19, o sacerdote foi internado com recomendação médica de isolamento. O exame para obter o diagnóstico foi realizado no próprio dia da internação, mas o resultado só foi liberado no dia 24 de agosto. Tal demora se deu, segundo o Hospital da Unimed, devido há uma mudança do laboratório credenciado para exames desta natureza.

Perante o resultado dos exames, e também diante de um exame de tomografia que acusou alterações em seus pulmões, a equipe médica o encaminhou para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), para favorecer seu acompanhamento clínico.

Desde que o Padre Antônio foi hospitalizado, o Bispo Diocesano, Dom Francisco Cota, tem acompanhado seu tratamento, inclusive prestando-lhe visitas. Também seus familiares têm acompanhado de perto o tratamento.

“Agradecemos a todos que têm demonstrado preocupação e cuidado para com o Padre Antônio Valmir, bem como oferecido o apoio das orações. Ansiamos pelo breve restabelecimento de sua saúde. Rogamos pressurosos a Deus que abençoe seu tratamento e recuperação.”, diz a Diocese em nota.


Com Tecle Mídia e Diocese de Sete Lagoas

Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.