A Polícia Civil do Estado de Minas Gerais, através da Delegacia de Polícia Civil de Cordisburgo, esclareceu um caso de violência contra idoso que teria ocorrido no distrito Lagoa Bonita, em 18/01/2019.

Na ocasião a vítima, um idoso de 75 anos, foi levado ao hospital com graves ferimentos pelo corpo, inclusive braço direito quebrado, e cortes na cabeça, ombro e rosto.

Alguns dias depois, ao serem questionados por vizinhos, a vítima e a mulher que vive em união estável com ele, M. L. de O. S., de 56 anos, relataram que durante a noite dois homens com os rostos tampados entraram em sua residência e o agrediram  com pedaços de madeira. A mulher, contudo, nada sofreu.

Os vizinhos ainda gravaram um vídeo, relatando que o casal havia sido vítima de roubo, e divulgaram através das redes sociais.

Somente depois disso os vizinhos acionaram a Polícia Militar, que compareceu ao local e registrou ocorrência policial.

A Polícia Civil fez uma intensa investigação policial, e conseguiu apurar que na noite dos fatos nenhum desconhecido entrou na casa da vítima. Na verdade a sua companheira, M. L. de O. S., que costuma fazer uso imoderado de bebida alcoólica, o agrediu fisicamente.

A história contada pela vítima foi inventada para encobrir a verdade, já que, apesar de não ter sido o primeiro episódio de violência, a vítima mantém seu afeto por M. L. de O. S.

Após a investigação da Polícia Civil M. L. de O. S. foi indiciada por lesão corporal, e responderá a processo criminal. Ela também foi indiciada por tentativa de homicídio, pois também apurou-se que houve outro episódio, quando a indiciada tentou matar a vítima com golpes de faca.

A Polícia Civil alerta que a segurança pública é direito e responsabilidade de todos, por isso qualquer cidadão que tome conhecimento de um crime tem o dever de comunicar à polícia, pois só assim as providências legais podem ser adotadas.

Com Polícia Civil

Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.