Em todo o mundo, a energia é uma das principais fontes para a melhoria e o desenvolvimento dos padrões de vida dos seres humanos e seu desenvolvimento sustentável. Com o rápido crescimento da população mundial nas últimas décadas, as necessidades de energia que também aumentaram a uma taxa ainda grande nos setores de industrialização e transporte levam a um aumento nos preços do petróleo, o que é diretamente afetado pela atividade econômica global.

Dessa forma, a busca de possíveis alternativas aos combustíveis fósseis se torna essencial para fazer circular nossos carros. Nesse sentido, uma substituição ideal seria caracterizada por fontes de energia renováveis, sustentáveis, eficientes e econômicas e com menos emissões de gases na atmosfera que a gasolina que tanto usamos no quotidiano.

Afinal de contas, o futuro do ecossistema mundial é obviamente uma questão importante. Tanto que recentemente, pesquisadores aprimoraram a conscientização sobre a proteção ambiental e o uso de combustíveis alcoólicos ou não fósseis para motores de combustão interna.

Geralmente, álcoois de menor peso molecular, particularmente etanol ou metanol, compreendem um grupo de combustíveis alternativos que são considerados atraentes para essa finalidade. E, de uma maneira direta, o álcool combustível tem mais vantagens em comparação aos combustíveis fósseis, embora não tenha o mesmo desempenho.

Vamos conhecer um pouco dessas características e as vantagens e desvantagens do álcool e da gasolina! Confira!


Limitações do etanol

Comparado aos combustíveis à base de petróleo, é muito menos denso em energia: um litro de etanol leva um carro apenas cerca de 70% até um litro de gasolina, e o etanol não pode fornecer energia suficiente para caminhões pesados ​​ou aeronaves. Além disso, o etanol se mistura com a água do ambiente, resultando em um combustível mais diluído. Também é corrosivo e, portanto, não pode ser facilmente utilizado nos motores atuais ou ser enviado de forma barata pelos oleodutos existentes.

Hoje, o etanol é frequentemente adicionado à gasolina para evitar a pré-ignição, ou "bater". Uma mudança para álcoois mais altos pode tornar mais viável a mistura de combustíveis ricos em álcool. As misturas de gasolina atuais geralmente não excedem 10% de etanol, mas é fácil imaginar uma mistura de combustível contendo 50 a 70% da energia mais alta, butanol menos corrosivo do álcool.

Alguns defensores até dizem que motores de carros não modificados poderiam funcionar apenas com butanol, que poderia ser uma opção de combustível para o futuro.


Uso de novas fontes de energia

O butanol também pode ser mais barato do que o etanol. Quando um lote de levedura produz etanol a partir do açúcar derivado de, por exemplo, milho, o álcool sai misturado com água. A água tem que ser fervida, o que significa usar mais energia para produzir o combustível. Mas o butanol e a água não se misturam, portanto podem ser separados por processos menos intensivos em energia.

O problema está na produção de álcool suficiente em primeiro lugar. Gerar grandes volumes de etanol é relativamente fácil. Cepas de leveduras foram domesticadas para fabricar bebidas alcoólicas há milhares de anos e são fermentadoras naturais, transformando glicose derivada de plantas em etanol.

Manipulá-los geneticamente para produzir mais etanol é simples. Embora existam organismos que produzem naturalmente butanol e álcoois superiores, a maioria deles produz esses álcoois em pequenas quantidades.


Gasolina ou álcool: qual a melhor opção?

O petróleo desempenha um papel importante na vida cotidiana em termos de fornecimento de bens ou alimentos, setor de transporte e mão-de-obra etc. Em todo o mundo, os depósitos de petróleo estão localizados em número limitado de países, muitos dos quais sofrem de instabilidades políticas e econômicas. Além disso, o comércio entre exportadores e importadores de petróleo é cada vez mais tenso e vulnerável.

Portanto, o álcool combustível é uma das melhores alternativas para substituir os combustíveis fósseis. A produção de combustível alternativo custa consideravelmente menos por causa do álcool produzido a partir da biomassa, carvão e gás natural com boa relação custo-benefício.

Se você pensar em desempenho e rendimento, a gasolina é 30% superior ao álcool etanol – mas ela é também mais cara. Agora, se pensar em proteção ambiental e um pouco mais de economia, o álcool é a melhor opção. Afinal, os combustíveis de álcool têm uma emissão evaporativa mais baixa, que agridem menos o meio ambiente.


Como calcular o combustível mais vantajoso?

É bem simples realizar o cálculo para se descobrir qual combustível é o mais vantajoso! É só dividir o preço de venda do litro do etanol pelo oferecido pela gasolina. E se o resultado for menor que 0,7, é o melhor abastecer seu automóvel com etanol. Agora, se ele der acima de 0,7, encher o seu tanque com gasolina é a melhor opção para o seu bolso.

Porém, outra forma mais assertiva de fazer esse cálculo é considerar o consumo exato do seu veículo. Dentro das características de consumo dele em litros por quilômetros rodados. E isso também é bem simples: você só precisa dividir o consumo do seu veículo com álcool pelo consumo que atinge ao usar gasolina. Assim encontrará a resposta sobre qual dos dois combustíveis é mais rentável financeiramente para o seu bolso.

Como se calcula isso? Basta levar em conta 1% abaixo da proporção exata de custo para os dois combustíveis. Por exemplo, se você tem carros econômicos, como um Ônix, por exemplo, e o seu consumo com álcool em meio urbano é de 8,8 km/l e o de gasolina chega a 12,9 km/l, basta dividir 8,8 por 12,9 terá como resultado 0,68.

A partir daí, basta retirar 1% do valor, o que daria o preço máximo do álcool na escala de 67% se comparado à gasolina. Ou seja, isso lhe traria uma boa vantagem financeira, pequena evidentemente, mas se você pensar em quantas vezes abastece seu carro ao longo de uma semana, mês, ou ano, a economia pode ser significativa!

Cabe lembrar que se o álcool etanol que você comprar nos postos de combustíveis brasileiros estiver custando a base de 69% ou mais em relação à gasolina, você estaria perdendo dinheiro abastecendo com ele!


Gostou destas dicas sobre as vantagens de cada tipo de combustível e de como calcular o mais econômico para o seu bolso? Aproveite e compartilhe este post em suas redes sociais!



Redator : David Bruno
Imagem de Pixabay

Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.