Em 06 de dezembro de 2019 um homem, de 49 anos, encontrou uma carteira caída no chão, na calçada da prefeitura de Cordisburgo, no Centro da cidade. Dentro da carteira havia R$ 147,00 e cartões bancários do seu proprietário.

Como não localizou o dono nas proximidades, o homem que achou a carteira acionou a Polícia Militar e entregou os objetos.

Após receber a ocorrência policial, a Polícia Civil do Estado de Minas Gerais, através da Delegacia de Polícia Civil de Cordisburgo, realizou diligências, vindo a identificar o proprietário da carteira, Anderson de Almeida Silva, de 34 anos, o qual reside no município de São Paulo, capital do Estado de mesmo nome, o que dificultou o trabalho da polícia para sua localização.

Ao receber o contato telefônico dos policiais civis de Minas Gerais, Anderson se mostrou surpreso e grato pela atitude do cidadão que localizou a carteira e pelo empenho da Polícia Civil em localizá-lo, já que não contava com a recuperação dos seus pertences.

O homem relatou aos policiais que trabalha como motorista e passou por Cordisburgo durante uma de suas viagens, tendo perdido a carteira quando fez uma parada na cidade.  

Nesta sexta-feira, 17 de janeiro de 2020, Anderson se deslocou de sua residência, em São Paulo, para Cordisburgo, quando sua carteira e demais pertences lhe foram restituídos.

A Polícia Civil parabeniza o cidadão que localizou a carteira e a entregou à polícia, ressaltando que a atitude foi nobre, porém todos devem lembrar que esse é o comportamento que se espera de todos que achem qualquer objeto. Tanto o é que aquela pessoa que achar um objeto e não entregar às autoridades comete crime de apropriação de coisa achada, previsto no artigo 169, II, do Código Penal Brasileiro.


Com Polícia Civil

Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.