Imagem: EXAME

Jamais na historia deste país, notícia alguma, causou tanta tensão.

Alvo central da 24ª fase da Operação Lava Jato, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (sem foro privilegiado), foi levado coercitivamente (obrigado a depor), desde a sua residência, pela Policia Federal, na manhã desta 6ª feira, 4/março.

Ele (Lula) é acusado de receber juntamente com o seu instituto, 30 milhões de reais, entre 2011 e 2014.

O ex-presidente Luiz Inácio, prestou depoimento por mais de três horas à Policia Federal, no Aeroporto de Congonhas em São Paulo; mas poderia ter sido levado para depor em Curitiba.

Lula, muito abalado, disse que estava se sentindo um prisioneiro.

E enquanto a situação se desenrolava no terminal aéreo de Congonhas, manifestantes pró e contra Lula, se confrontavam por diversos locais da capital paulista.

Ao ser liberado pela PF, após a detenção, o ex-presidente Lula, foi para a sede do Partido dos Trabalhadores e, ao lado de seus pares, fez discurso indignado e pediu apoio de todos os aliados.

A situação de agora é grave e muito preocupante...o que poderia ser uma marolinha, se agiganta, parecendo ser, um grande tsunami.

O desgaste de Lula e do PT, é fato consumado e o país vive situação de grande impasse. Todos os brasileiros estão cientes de tudo.

A crise política é real e a crise da falta de credibilidade se instalou. A corrupção foi se alastrando, impera em vários seguimentos e vai levando o país a sujeitar graves desdobramentos.

Os muros desta querida nação, chamada Brasil, precisam de restauração imediata!

Reportagem Adriano Bossi

Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.