Imagem: Omar Freire
A Secretaria de Estado de Cultura e a Codemig lançaram em cerimônia, no último dia primeiro (01/07), na Cidade Administrativa, os editais das Bandas de Minas, que, neste ano, tem R$ 1 milhão de recursos destinados às corporações musicais do Estado.
Durante a solenidade, centenas de pessoas puderam assistir a uma amostra da rica cultura mineira. As bandas Corporação Musical Nossa Senhora de Lourdes (Vespasiano), Banda Nossa Senhora do Carmo (Betim) e Banda de Música Vitalina Correa (Cordisburgo), em perfeita sintonia, executaram clássicos da música mineira. 
Movido pela alegria sonora que saía dos instrumentos das bandas que se apresentavam, o secretário de Estado de Cultura, Angelo Oswaldo, frisou a importância dessa tradição para Minas Gerais. “As bandas civis de música são a alma dos nossos cidadãos; traduzem o espírito mineiro. Por isso, a Secretaria de Cultura se empenhou em aprimorar, ampliar, revigorar e, principalmente, qualificar o edital das Bandas de Minas”, afirmou.
Representando a Codemig, patrocinadora do programa, a Diretora da Indústria Criativa, Fernanda Machado, destacou o caráter desenvolvimentista das bandas. “São mais de 20 mil músicos em Minas Gerais, que são também empreendedores, utilizando da música a forma de trabalho que fomenta a economia”.
Visivelmente emocionado, o maestro André Geraldo Martins, da Banda Vitalina Correa, enfatizou a missão humanista da música. “Um instrumento a mais significa mais uma criança tocando, e, por consequência, um jovem a mais se tornando verdadeiro cidadão”.
Representando a Codemig, patrocinadora do programa, a Diretora da Indústria Criativa, Fernanda Machado, destacou o caráter desenvolvimentista das bandas. “São mais de 20 mil músicos em Minas Gerais, que são também empreendedores, utilizando da música a forma de trabalho que fomenta a economia”.
Responsável pela gestão do Bandas de Minas, o superintendente João Miguel disse que pretende “aprimorar e estreitar a relação com os músicos mineiros, para poder abraçar as centenas de bandas espalhadas pelo nosso Estado”, finalizou.
Bandas de Minas
O Programa Bandas de Minas – realizado com recursos da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemig) - tem o objetivo de incentivar e valorizar um dos principais elementos da identidade cultural mineira: as bandas civis de música. 
Minas Gerais possui 681 bandas cadastradas na Secretaria de Estado de Cultura, distribuídas por mais de 500 municípios, sendo o estado brasileiro que abriga o maior número dessas corporações. A primeira banda de música do Brasil surgiu em Mariana (MG), em 1774, e teve Pedro Novalasco da Costa como regente. As bandas se tornaram mais populares quando a Corte Real Portuguesa chegou ao Brasil, em 1808, e trouxe uma banda que passou a tocar nas cerimônias oficiais.

Fonte: Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais

Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.