Um dos pontos mais reclamados pelos desportistas cordisburguenses é a deficiência no sistema de iluminação do Ginásio do CECOPA.

Era comum a recorrente "queima" de lâmpadas, que gradativamente deixavam a quadra na penumbra, dificultando a prática esportiva.

No último mês, foi realizado uma obra de manutenção da parte elétrica, onde os holofotes foram abaixados e um novo tipo de lâmpada foi colocada, possibilitando assim uma iluminação de qualidade.

Ao Portal Cordis Notícias, o coordenador de esportes, Carlos Eduardo Barroso, expôs ainda um projeto de instalação de lâmpadas de LED no local, dando assim solução definitiva para os problemas de iluminação.


As equipes veteranas de Diamantina e Cordisburgo, esta representada pelo Master 50, disputaram partida amistosa no último sábado no Estádio Municipal da Várzea.

A partida aconteceu em uma tarde de muito sol e altíssimo calor, e foi disputada com muita disposição dos atletas de ambas as equipes.

O resultado final foi de 4 a 2, favorável a equipe visitante. Os gols da equipe diamantinense foram marcados por Figueiredo (1 vez) e Chumbinho (3 vezes). Pelo lado da equipe cordisburguense, marcaram Cré e Fananã (ambos de pênalti).

A equipe do Master 50 de Cordisburgo volta a campo no próximo Domingo, em partida amistosa contra o Master de Jequitibá, na cidade de Jequitibá.


"PESCATTI INDÚSTRIA DE PESCADOS CORDISBURGO LTDA., CNPJ: 23.068.657/0001-96, torna público o requerimento de Licença Ambiental nº. 06079/2016, para o empreendimento localizado na Praça Alcides Lins, nº. 333A, Centro, Cordisburgo - MG, para as atividades listadas na DN 217/17 do COPAM com código D-01-02-6 Preparação do pescado e D-01-05-8 Processamento de subprodutos de origem animal para produção de sebo, óleos e farinha”.


O presidente Jair Bolsonaro assinou no dia 15 de Janeiro, decreto que flexibiliza as regras para a posse de arma de fogo no país, que já entrou em vigor. O decreto mudou algumas regras, como o prazo de renovação passou para dez anos.

Veja abaixo alguns pontos do novo decreto:

O que muda com o decreto?

O decreto trata da posse de armas, ou seja, o cidadão poder ter uma arma em casa. Com o decreto, poderá adquirir uma arma quem morar em cidade ou estado onde a taxa de homicídios seja superior a 10 para cada 100 mil habitantes, morar em áreas rurais, for dono de estabelecimentos comerciais ou industriais, militares, for agente público que exerce funções da área de segurança pública, administração penitenciária, integrantes do sistema socioeducativo lotados nas unidades de internação, da Agência Brasileira de Inteligência e no exercício do poder de polícia administrativa e correcional em caráter permanente ou for colecionador, atirador e caçador, devidamente registrado no Exército. Antes, a necessidade de ter uma arma era avaliada e ficava a cargo de um delegado da Polícia Federal, que poderia aceitar, ou não, o argumento.

O decreto anterior estabelecia que o registro deveria ser renovado a cada três anos, nos casos em que o Exército é responsável pela expedição, e a cada cinco anos, nas situações sob responsabilidade da Polícia Federal. O decreto publicado hoje unifica esses prazos em 10 anos.


Quem poderá ter a posse de arma?

A posse de arma de fogo de uso permitido pode ser concedida a quem atender aos requisitos dos incisos I a VII do caput do Artigo 12 do Decreto nº. 5.123, de 2004:

I - declarar efetiva necessidade;

II - ter, no mínimo, vinte e cinco anos;

III - apresentar original e cópia, ou cópia autenticada, de documento de identificação pessoal;

IV - comprovar, em seu pedido de aquisição do Certificado de Registro de Arma de Fogo e periodicamente, a idoneidade e a inexistência de inquérito policial ou processo criminal, por meio de certidões de antecedentes criminais da Justiça Federal, Estadual, Militar e Eleitoral, que poderão ser fornecidas por meio eletrônico;

V - apresentar documento comprobatório de ocupação lícita e de residência certa;

VI - comprovar, em seu pedido de aquisição do Certificado de Registro de Arma de Fogo e periodicamente, a capacidade técnica para o manuseio de arma de fogo;

VII - comprovar aptidão psicológica para o manuseio de arma de fogo, atestada em laudo conclusivo fornecido por psicólogo do quadro da Polícia Federal ou por estar credenciado.


Se eu conseguir a posse, isso significa que poderei sair na rua com a arma? 

Não. A posse dá direito de manter a arma apenas em casa ou no trabalho. Para sair da residência com a arma, é preciso autorização para o porte, que garante ao cidadão circular com a arma fora de casa, trabalho ou estabelecimento comercial, ou seja, poder andar com ela na rua. O porte de arma não é objeto do decreto. 


Quantas armas posso ter registradas em meu nome?

Não existe limite legal da quantidade de armas a serem registradas por cidadão. O decreto presidencial, em algumas situações, limita a aquisição de até quatro armas. Nesses casos, se o indivíduo tiver interesse em adquirir mais armas, deverá comprovar a efetiva necessidade. Se a pessoa tiver mais de quatro armas registradas e comprovar a necessidade de mais, poderá conseguir autorização para compra das demais.


Poderei ter em casa fuzis, metralhadoras ou armas automáticas?

Não, o decreto somente facilita a posse de armas de uso permitido e não inclui armas de uso restrito, como armas automáticas ou fuzis.


Perdi o prazo de regularização das armas. Poderei ser anistiado?

O decreto não prevê anistia para quem perdeu o prazo para recadastramento, que terminou em 2009. Essa medida demanda mudança legislativa, o que só pode ser feita por meio de lei. O decreto prevê a renovação automática dos certificados de registro de arma de fogo expedidos pela Polícia Federal antes da data de publicação do ato, e ainda vigentes, pelo prazo de dez anos.


Por quanto tempo valerá a autorização de posse de arma?

O prazo passou de cinco para dez anos com o decreto


Como faço para solicitar o registro e quais os documentos necessários?

Primeiro, o interessado precisa obter uma autorização da Polícia Federal para comprar a arma. Para isso, deve preencher os requisitos previstos no Artigo 12 do Decreto nº. 5.123, de 2004. Depois de comprar a arma, deve-se ir a uma unidade da Polícia Federal para fazer o registro com os seguintes documentos: requerimento preenchido disponível no site da PF, autorização para adquirir arma de fogo, nota fiscal de compra da arma de fogo e comprovante bancário de pagamento de taxa devida por meio da Guia de Recolhimento da União – GRU.


Onde devo guardar a arma? 

Em um local seguro, como um cofre ou um local com tranca, de difícil acesso por parte de crianças, adolescentes ou pessoas com deficiência mental.


Se eu não tiver um cofre para guardar a arma, serei punido?

Se, na residência houver criança, adolescente ou pessoa com deficiência, o interessado deve se assegurar que a arma seja armazenada em segurança, pode ser um cofre ou local com tranca. Será exigido do interessado a apresentação de declaração de que mantém a arma em um cofre ou local com tranca. Se a criança, adolescente ou pessoa com deficiência tiver acesso à arma por falta de cuidado do responsável, este incorrerá na prática do crime de omissão de cautela do art. 13 da Lei nº 10.826/2003, com até dois anos de prisão.

Por Agência Brasil
Com informações do Ministério da Justiça e Segurança Pública



Será realizada neste final de semana (18, 19 e 20 – sexta a domingo), a “Festa de São Sebastião” em Araçaí, com realização da Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Cultura, Paróquia e Festeiros de 2019.

Na sexta-feira (18), a partir de 21 horas haverá música ao vivo na barraquinha;

Sábado (19), a partir de 22 horas será realizado show com Victor e Fabiano na Praça São Sebastião;

Domingo (20), “Dia de São Sebastião”, às 12 horas acontece o almoço nas barraquinhas e grande leilão de aves, suínos e bovinos.

O evento conta com o apoio da Câmara Municipal, Polícia Militar, Conselho Tutelar e Circuito Turístico Guimarães Rosa.

Por Mega Cidade


A Câmara Municipal de Cordisburgo se reuniu ordinariamente nesta quarta-feira, para o primeiro encontro do ano.

Foi  primeira reunião da nova mesa diretora, presidida por Geralda Maria (PT).

Desta vez, não estiveram presentes os vereadores Aldair Marques e Erivélton Santos.

Foram designados os novos membros para as Comissões de Legislação, Justiça e Redação; Fiscalização Financeira e Orçamentária e Serviços Públicos Municipais.

Foram discutidos e aprovados por unanimidade os seguintes projetos:

Projeto de Lei nº 01/2018 – Autoriza Reajuste dos Vencimentos dos Servidores Públicos Municipais do Poder Executivo e dá outras providências.

Projeto de Lei nº 02/2019 – Autoriza a Cessão Temporária de Servidor Municipal a Associações Locais e dá outras providências.

Projeto de Lei Complementar nº 01/2019 – Extingue o Cargo Efetivo de Pintor.

Foi levantada ainda  possibilidade de transferência da Câmara para o prédio do Centro de Atendimento ao Turista, proposta esta que ainda será analisada.

Foram ainda apresentadas reclamações quanto as obras municipais, que passarão por fiscalização da comissão responsável.

Confira a reunião completa:


Durante o verão é muito comum os casos de conjuntivite. É que as pessoas passam mais tempo expostas ao sol e a situação é de risco com ambientes fechados com ar condicionado ligado. 

Começou a sentir aquela coceira nos  olhos, olhos vermelhos, sensibilidade à luz pode ser sintoma de uma conjuntivite. Segundo a Dra. Tereza Kanadani, geralmente os sintomas podem ser desde uma coceira nos olhos, mas o principal é vermelhidão ocular, hiperemia na membrana, você pode sentir maior sensibilidade à luz, uma secreção desde ao acordar e ela pode ser tanto aquosa como purulenta. 

Os casos de conjuntivite aumentam mais nessa época do ano pelo maior aglomerado de pessoas em academias, piscinas, salas de ginásticas e o ideal é evitar esses locais mais fechados com esse aglomerado de pessoas, pela facilidade de contágil entre uma pessoa e outra. Existem 3 tipos dessa doença, mas a mais comum nessa época do ano é a viral, pela facilidade de contágil. 

Tem ainda a conjuntivite bacteriana onde apresenta uma secreção amarelada e a alérgica que pode aparecer em determinados períodos do ano, sendo mais comum em pacientes alérgicos que já tem doenças como asma ou bronquite em pacientes atópicos. 

Deve-se evitar a automedicação e nos primeiros sintomas procurar um Oftalmologista, porque o tratamento vai desde uma compressa com soro fisiológico gelado, assim como colírios anti-inflamatórios e dependendo do caso, evoluir para uma infecção bacteriana, tem que ser colírios antibióticos.

E se não tratar? Segundo a médica, se não tratar,  essa conjuntivite geralmente é auto limitada a viral. O paciente em sete dias já sente uma melhora, mas em torno de sete dias se o paciente não melhorar tem que procurar urgente um Oftalmologista.

Por Antonio Maria Clarete Machado
Fonte Bom Dia Minas - 15/01/2019


Em jogo bastante catimbado, o Atlético conquistou o título do Torneio Internacional Máster de Futebol, neste domingo. O Galo venceu o San Lorenzo-ARG, nos pênaltis, por 8 a 7. No tempo normal, o duelo terminou empatado em 1 a 1. A partida foi disputada na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas.

A decisão do título foi bastante tumultuada por parte dos argentinos, que tentaram, no intervalo, uma mudança no regulamento. Homens da delegação, que não estavam no time, resolveram tumultuar, alegando que o Atlético descumpria o regulamento: estava atuando com quatro jogadores entre 35 e 40 anos.

Porém, segundo a organização do evento, era um equívoco, já que autorizava três jogadores na linha e mais o goleiro, com esse limite de idade. E era justamente o que acontecia, pois o Galo tinha o goleiro Giulliano, o zagueiro Adriano Lobinho, Léo de Deus e Paulinho Guará, sendo que o primeiro, era o goleiro do Galo.

A situação acabou contornada, com a ajuda dos jogadores argentinos, que queriam continuar a partida. Sérgio Araújo brincou com a situação: “Eles estão perdendo.” O jogo continuou, sem problemas. No entanto, tornou-se mais ríspido, com muitas faltas e com o árbitro, Antônio William Gomes distribuindo quatro cartões amarelos, todos para os argentinos.

O gol atleticano foi marcado por Paulinho Guará, aos 10min do primeiro tempo. O San Lorenzo empatou com Monserrat, aos 23min do segundo. Nos pênaltis, Álvaro, Sérgio Araújo, Araújo, Luís Cláudio, Piuzinho, Faioli, Fofão e Marcelinho (este cobrou o último), marcaram, enquanto Piu, o segundo a bater, perdeu sua cobrança, defendida pelo goleiro Livora. Pelo San Lorenzo marcaram Gorosito, Biaggio, Esquivel, Lazzaro, Álvarez, Antonelli e Monserrat. O gol atRivadero e Estevez tiveram suas cobranças defendidas pelo goleiro Giulliano.

Atlético: Giuliano, Fofão, Álvaro, Lobinho e Luís Cláudio; Araújo, Gedeon, Piu e Léo de Deus; Paulinho Guará e Wellington Amorim, depois Marcelinho, Eron, Sérgio Araujo, Técnico: Jorge Valença.

San Lorenzo: Livora, Gallardo, Álvarez, Lussenhoof e Esquivel; Rivadero, Monserrat, Calabria e Gorosito; Estevez e Lazzaro, depois Antonelli, Biaggio e Vasquez. Técnico: Roberto Lezcaro.

Terceiro lugar

Na disputa da terceira colocação do torneio, o Cruzeiro venceu de virada o Corinthians. O time paulista saiu na frente, com Gustavo Nery marcando aos 15min do primeiro tempo. A equipe celeste empatou ainda na primeira etapa, com um golaço de Alex Dias, aos 26min.

A vitória foi consolidada no finalzinho da segunda etapa, com um gol de Elivelton, que foi o autor do gol do bicampeonato da Libertadores, em 1997. “Decidi mais uma vez”, disse.

Cruzeiro: Felipe, Maurinho, Cleber Monteiro, Leandro Guerreiro e Leandro; Augusto Recife, Donizete Amorim, Ruy e Walter Minhoca; Alex Dias e Elivelton, depois Marcelo Ramos, Cleisson, João Carlos e Da Silva. Técnico: Roberto Gaúcho.

Corinthians: Renato, Guina, César, Carlinhos e Wladimir; Pingo, Rogério e Gustavo Nery; Paulo Sérgio, Edilson e Gil, depois Dagoberto, Édson e Nilson. Técnico: Vaguinho.

Dois jogadores do Atlético estiveram entre os melhores da competição, o atacante Paulinho Guará, artilheiro do torneio, com três gols, junto com Paulo Sérgio (Corinthians) e Lazzaro (San Lorenzo), e o goleiro Giulliano, o melhor de sua posição na competição. Foram feitas homenagens especiais ao ex-lateral-esquerdo Nonato, do Cruzeiro, e ao ex-armador Gorosito, do San Lorenzo.

Texto de Super Esportes
Fotos de Lucas Gustavo - CORDIS NOTÍCIAS
























































































































Tecnologia do Blogger.