Haja paciência para suportar os solavancos das intermináveis "costeletas" que tomaram conta de todo o trajeto da Rodovia MG-231, entre Cordisburgo e Lagoa Bonita.

O tráfego nesta estrada é intenso; a mesma, além de dar acesso ao distrito cordisburguense, chega até a cidade de Santana de Pirapama; dando mostras, do quanto é importante para os dois municípios.

A distância entre Cordisburgo e Lagoa Bonita é de aproximadamente 17 km e o trecho não está oferecendo as mínimas condição necessárias para se trafegar normalmente.

São buracos em grande escalas e as ondulações intermináveis transtornam a vida dos motoristas.

O trânsito está fluindo lento e a velocidade máxima que se consegue nesta estrada, é de 20 km/h, devido a falta de manutenção e preservação da mesma.

Motoristas que trafegam neste trecho da MG-231 diariamente, relatam a sua precariedade e apelam às autoridades ligadas ao DER-MG alguma providência. 

Sugerem, que seja efetuado o conhecido "patrolamento" em todo o seu percurso, antes mesmo, do período chuvoso que se aproxima.

Neste trecho, trafegam ambulâncias, caminhões de cargas variadas, ônibus escolares e de empresas de transporte de passageiros e veículos particulares. 

E todos estes usuários, estão sendo enormemente penalizados e ainda, contabilizando prejuízos, face a esta situação.

Reportagem Adriano Bossi

Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.