O secretário de Saúde de Minas Gerais, Fábio Baccheretti, informou nesta quarta-feira (31) que o Governo de Minas irá prorrogar a Onda Roxa no Estado até o dia 11 de abril. Treze das 14 macrorregiões mineiras irão seguir na onda mais dura, somente uma região seguirá para a Onda Vermelha, que possui um pouco mais de flexibilização nos serviços.

A decisão foi tomada em reunião do Comitê Extraordinário Covid-19 do governo de Minas Gerais. O objetivo é conter a disseminação de casos de covid-19 no Estado. A única macrorregião que vai para a Onda Vermelha é a Triângulo Norte, que foi a primeira a ser inserida na fase Roxa. 

“Os dados mostram o sucesso da Onda Roxa no Estado. Ela foi determinada há 30 dias na região do Triângulo Norte e os dados obtidos lá nos deixam muito certos do caminho que estamos traçando. Esse é um caminho promissor em relação a pandemia", explicou o secretário.

Ele completa: 

"Os gráficos mostram que quando há a soma da Onda Roxa, com a ação dos prefeitos e a postura da população, a gente tem um sucesso dos indicadores. A do Triângulo Norte tinha um platô e agora tem indícios claros de queda de infectados e de pessoas internadas em hospitais".   


Veja as medidas restritas na onda roxa:

  • Funcionamento apenas do serviço essencial
  • Suspensão de cirurgias eletivas
  • Restrição de circulação de pessoas (só poderão sair de casa para atividades essenciais)
  • Toque de recolher das 20h às 5h e aos finais de semana
  • Proibição de pessoas sem máscara em qualquer espaço público ou de uso coletivo, ainda que privado
  • Proibição de circulação de pessoas com sintomas de gripe, a menos que estejam indo para consulta médica
  • Proibição de eventos públicos ou privados
  • Proibição de reuniões presenciais, inclusive entre parentes que não morem na mesma casa
  • Implantação de barreiras sanitárias de vigilância
  • Fechamento de bares e restaurantes (funcionamento apenas por delivery)


São considerados serviços essenciais:

  • Setor de alimentos (excluídos bares e restaurantes, que só podem via delivery);
  • Serviços de Saúde (atendimento, indústrias, veterinárias etc.);
  • Bancos;
  • Transporte Público (deslocamento para atividades essenciais);
  • Energia, Gás, Petróleo, Combustíveis e derivados;
  • Manutenção de equipamentos e veículos;
  • Construção civil;
  • Indústrias (apenas da cadeia de Atividades Essenciais);
  • Lavanderias;
  • Serviços de TI, dados, imprensa e comunicação;
  • Serviços de interesse público (água, esgoto, funerário, correios etc.)


Com informações de Itatiaia


A Prefeitura de Cordisburgo realizará na manhã desta quarta-feira, 31 de março, audiência pública para a elaboração da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para o ano de 2022.

A LDO estabelece quais serão as metas e prioridades para o ano seguinte. Para isso, fixa o montante de recursos que o governo pretende economizar; traça regras, vedações e limites para as despesas dos Poderes; regulamenta as transferências a entes públicos e privados e disciplina o equilíbrio entre as receitas e as despesas.

A audiência pública cumpre a Lei de Responsabilidade Fiscal que garante a transparência e a participação popular nos processos de elaboração dos instrumentos de planejamento.

Neste ano de pandemia a audiência será realizada de forma virtual a partir das 9h através da plataforma Google Meet e pode ter a participação de autoridades e a população que pode expor suas opiniões.

Também está disponível para consulta a relação dos Programas, Metas e Ações propostas por departamentos municipais (Neste Link).

Qualquer pessoa pode enviar as sugestões ou solicitar informações até às 14h do dia 09/04/2021 através do Formulário de Consulta Pública (Neste Link).



Com informações de Prefeitura de Cordisburgo e Senado Federal


A Paróquia do Sagrado Coração de Jesus de Cordisburgo celebrará neste ano a Semana Santa de forma totalmente virtual, diante da pandemia em que atravessa o país, o decreto estadual de Onda Roxa e a proibição municipal de realização de cultos religiosos com a presença de público.

Todas as celebrações serão transmitidas através das redes sociais da Paróquia: Facebook (https://www.facebook.com/paroquiacordisburgo/) e Instagram (@paroquiacordisburgo).

Confira a programação completa abaixo:

SEGUNDA-FEIRA SANTA - 29/03

18h: Meditação das Santas Chagas pelas redes sociais da paróquia direto do Santuário. Logo após peregrinação da imagem de Nosso Senhor dos Passos pelas ruas: Geraldino Rocha, Augusto Branim Trombini, Corpo de Baile, Margem da Alegria, Osvaldo Fernandes Valgas, Albertina Diniz Maciel,  Antônio Beraldo de Carvalho, José Maria Gordiano dos Santos e Avenida Padre João.

Prepare o altar em frente a sua casa e acolhamos Cristo, o Senhor chagado e ferido que vem até nós, acolhendo-nos como filhos amados.

TERÇA-FEIRA SANTA - 30/03

18h: Terço das Sete Dores de Maria transmitida pelas redes sociais da paróquia direto do Santuário. Logo após peregrinação da imagem de Nossa Senhora das Dores pelas ruas: Frei Estevam, São José, Governador Valadares, João Negrão Licas de Lima, Marechal Deodoro, Dr. Bueno, José Silvério da Mata, Padre João, José Henrique de Freitas, Cordis, Dimas Henrique de Freitas, Frei Francisco Gabriel e Joaquim Goulart Júnior.

Prepare o altar em frente sua casa e acolhamos a Virgem, mãe das Dores que nos acolhe e consola nas aflições da vida.

QUARTA-FEIRA SANTA - 31/03

18h: Meditação das Sete Dores e Sermão do Encontro transmitido pelas redes sociais da paróquia direto do Santuário.

Prepare o seu altar no santuário do seu lar e reze com sua Família o encontro da mãe com o Filho no caminho da dor.

QUINTA-FEIRA SANTA - 01/04

18h: Missa da Ceia do Senhor e Lava pés transmitida pelas redes sociais da paróquia direto do Santuário. 

Prepare seu altar no santuário de seu lar e reze conosco celebrando a Instituição da Eucaristia junto com sua família.

SEXTA-FEIRA SANTA - 02/04

12h: Meditação das Sete Palavras transmitida pelas redes sociais da paróquia direto do Santuário.

15h: Cerimônia da Paixão e morte de Nosso Senhor Jesus Cristo, adoração da Cruz transmitida pelas redes sociais da paróquia direto do Santuário.

18:30h: Sermão Descendimento da Cruz. Somente pelas redes Sociais de Nossa Paróquia. Facebook e Instagram. Logo após peregrinação com a imagem do Senhor Morto pelas ruas: Joaquim Goulart Júnior, Diretora Noeme, Geraldino Rocha, Antônio Beraldo de Carvalho, São Miguel, Juca Bananeira, Padre João, São José, José Saturnino, Joaquim Murtinho, Cordis e Expedicionário José Gomes.

SÁBADO SANTO - 03/04

18h: Solene liturgia da Vigília Pascal transmitida pelas redes sociais da paróquia direto do Santuário.

Prepare o altar no santuário do seu lar e reze conosco, acenda o círio da família e que a Luz do Cristo Ressuscitado ilumine a vida de toda sua família.

DOMINGO DA PÁSCOA - 04/04

08h: Missa da Páscoa do Senhor transmitida pelas redes sociais da paróquia direto do Santuário. Logo após peregrinação com o Santíssimo Sacramento pelas ruas:

17h: Missa da Páscoa do Senhor transmitida pelas redes sociais da paróquia direto do Santuário, logo após peregrinação com o Santíssimo Sacramento pelas ruas:

Prepare o altar no santuário do seu lar, com o círio da família aceso e reze conosco a Páscoa do Senhor, que no enche de alegria e esperança e abençoa toda nossa família.


Os pedidos de intenção podem ser marcados na Secretaria Paroquial diariamente das 08h às 12h.

É de amplo conhecimento de todos a circulação de novas variantes do coronavírus em todo o mundo, sendo detectado no Brasil uma mutação própria em Manaus e posteriormente também no Rio de Janeiro. Entretanto, amostras com estas novas variantes já estão sendo detectadas em Minas Gerais.

A cidade de Caetanólis, localizada há poucos quilômetros de Cordisburgo, teve uma das amostras testadas com a variante detectada no Reino Unido, o que acende alerta na região, visto que segundo estudos, o potencial de transmissão é ainda maior do que a versão tradicional do vírus.

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) confirmou a circulação de duas variantes do coronavírus em Minas Gerais: a P1, descoberta em Manaus, e a B.1.1.7, identificada inicialmente no Reino Unido.

Segundo a SES-MG, amostras aleatórias coletadas em laboratórios indicaram a circulação das cepas, consideradas variantes de atenção (VOC). As VOC são mutações que ocasionam alterações clínico-epidemiológicas relevantes, como maior gravidade e maior potencial de infectividade.

As amostras foram analisadas pela Fundação Ezequiel Dias (Funed), Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). No total, 54 amostras foram positivas para VOC.

A P.1. foi detectada em 38 amostras, nas cidades de Uberlândia (25), Uberaba (6), Belo Horizonte (2), Patrocínio (2), Betim (1), Montes Claros (1) e Nova Ponte (1).

Já a variante B.1.1.7. foi identificada em 16 amostras, nos municípios de Belo Horizonte (10), Betim (2), Caetanópolis (1), Barbacena (1), Uberlândia (1) e Araxá (1).

A SES-MG iniciou a vigilância laboratorial das VOC, por meio de sequenciamento genético, em janeiro de 2021, após a confirmação do surgimento de variantes no Brasil e em outros países. A pasta informou que, desde então, tem ampliado o monitoramento e recebido notificação de casos investigados por instituições de pesquisa.

Segundo a secretaria, as variantes apresentam mutações genéticas que têm sido associadas com uma maior transmissão viral.

No caso da variante britânica, a mutação foi identificada na proteína spike, uma espécie de "chave" que o vírus utiliza para infectar os humanos, o que tem sido associado à maior transmissão. Uma pesquisa divulgada no final do ano passado indica que ela pode ser entre 50% e 74% mais contagiosa.

Na variante de Manaus, pesquisadores identificaram uma mutação semelhante à cepa do Reino Unido, além de mutações adicionais que também parecem deixar o vírus mais transmissível.

Um estudo divulgado neste mês mostrou que a variante pode driblar o sistema imune de indivíduos já infectados pela Covid-19 e causar reinfecção.

Diante da comprovação da circulação de variantes no estado, a SES-MG "reforça a necessidade de adoção de medidas restritivas para conter a propagação do vírus". Segundo a pasta, as recomendações de isolamento são as mesmas independentemente da linhagem do vírus.

A secretaria informou que orientou a investigação dos casos nos respectivos territórios e o retorno de informações ao Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs).


Variante do Rio de Janeiro

A SES-MG também confirmou a circulação da P.2., detectada inicialmente no Rio de Janeiro, em Minas Gerais, mas ressaltou que, até o momento, a variante não é considerada uma VOC.

Segundo a pasta, a P.2. também é derivada da linhagem B.1.1.28, assim como a P.1., mas, enquanto na variante amazonense são detectadas três mutações relacionadas à proteína spike, na P.2, apenas uma mutação foi identificada.

De acordo com a secretaria, a P.2. tem sido amplamente detectada no Brasil, "sendo uma das variantes com maior frequência de detecção em território brasileiro, a partir do segundo semestre de 2020".

Em 17 amostras coletadas ao acaso em Belo Horizonte entre novembro do ano passado e janeiro de 2021, cientistas do Instituto de Ciências Biológicas da UFMG descobriram que 16 correspondiam a P.2.

A SES-MG ressaltou que "o surgimento de variantes é esperado, uma vez que mutações são comuns em vírus de RNA como o coronavírus". O distanciamento social e a vacinação são importantes para reduzir a circulação do vírus e minimizar o surgimento de mutações.


Com informações de G1


Cordisburgo continua com alta no número de casos confirmados de Covid-19.

Em boletim epidemiológico publicado na noite desta sexta-feira, 26 de março, o número de confirmados desde o início da pandemia é de 258, sendo que atualmente 48 encontram-se em monitoramento, 02 estão hospitalizados, 197 estão recuperados e a cidade chegou a marca de 11 óbitos confirmados.

Desde o dia 17 deste mês a cidade publicou Decreto que determina Onda Roxa, conforme determinação do Governo do Estado, com medidas mais rígidas como forma de prevenir o contágio do vírus.

Naquele dia a cidade possuía 224 confirmações, com 34 monitorados, 01 hospitalizado, 179 recuperados e 10 óbitos confirmados. De lá para cá ocorreu um aumento de 34 casos, além de mais 01 óbito ter sido confirmado.

Mesmo com a determinação de lockdown e a proibição de qualquer tipo de aglomeração, várias festas foram relatas por toda a cidade, além de estabelecimentos comerciais terem sido notificados e alguns fechados por descumprirem as determinações, não só na zona urbana mas também em toda a zona rural.

Neste momento é importante a conscientização da população para que este vírus não seja disseminado ainda mais no município. Só saia de casa se for realmente necessário, se sair use máscara e evite aglomerações. Valorize a sua vida e a de quem você ama.

Um loteamento irregular foi fiscalizado pela polícia, no início da noite desta terça-feira (23), na “Fazenda Canta Galo” em Cordisburgo.

Segundo informações, uma testemunha, presidente da Associação criada no loteamento teria relatado que o local possui cerca de 45 lotes de tamanhos variando entre 700 e 1000 m².

No local há diversas casas prontas, algumas em construção e também um poço tubular, sem equipamento de medição de vazão e horímetro, tendo sido lavrado um auto de infração por extrair água subterrânea sem a devida outorga.

De acordo com a testemunha foi necessário criar a Associação para regularizar a situação junto a Prefeitura e pedir o fornecimento de energia elétrica para os moradores.

O vendedor do loteamento alegou que há cerca de 10 anos comprou o imóvel com área de 22 hectares e que faria uma pousada no local. Contudo começou vender as glebas de 20 mil metros para grupos de três a quatro pessoas, as quais foram subdivididas em lotes menores.

O desmembramento do solo para fins urbanos no referido empreendimento, sem autorização dos órgãos competentes, confira crime previsto no Artigo 50 da Lei 6.766/1979.


Com informações de Mega Cidade
Link: 
https://www.megacidade.com/noticia/32965/policia-fiscaliza-loteamento-irregular-em-fazenda-de-cordiburgo


Instituições de ensino e estudantes de todo o país que queiram participar do Concurso Internacional de Redação de Cartas devem se apressar. O prazo para inscrições se encerra nesta sexta-feira (26).

Promovido anualmente pela União Postal Universal (UPU), sediada em Berna, na Suíça, o concurso é realizado no Brasil pelos Correios e acontece em três fases: escolar, estadual e nacional. A quarta etapa – fase internacional – é realizada pela UPU.

Para este quinquagésimo concurso, o tema da redação é: “Escreva uma carta a um familiar, contando sobre sua experiência da Covid-19”.

Para participar, escolas públicas e privadas devem selecionar, entre as redações de seus alunos, até duas cartas para representá-las na fase estadual. A melhor redação de cada Estado concorre ao prêmio nacional, quando é escolhida apenas uma carta, que irá representar o Brasil na fase internacional.

A escola e os alunos vencedores podem ganhar prêmios de até R$ 10,5 mil e R$ 10 mil, respectivamente.

Oportunidade única - O objetivo do certame é melhorar a alfabetização de jovens por meio da redação de cartas, incentivando a expressão da criatividade e o aprimoramento dos conhecimentos linguísticos de crianças e adolescentes.

A coordenadora Nacional do Concurso de Cartas, Virgínia Moreira, explica que esse é um momento único para os jovens. "É uma ótima oportunidade para os estudantes desenvolverem e aprimorarem o interesse pela leitura e escrita, sendo essas habilidades cada vez mais importantes na atualidade, inclusive visando o mercado de trabalho. Além disso, a premiação em dinheiro pode ser um bom investimento para que aluno possa buscar ainda mais conhecimentos que farão diferença na educação e na formação para o futuro", disse a coordenadora.

Já o vencedor estadual de Brasília, do Concurso de 2019, Luigi Del Hero, fala sobre a sua experiência em fazer parte de um projeto tão importante como esse: "Confesso que o Concurso de Cartas foi uma incrível conquista para mim. Algo que fiz de forma despretensiosa, transformou-se em uma conquista que me trouxe muita felicidade e reconhecimento por parte de amigos e professores."

Todas as informações sobre o concurso, como formulário de redação, ficha de inscrição e endereço para o envio dos documentos estão disponíveis no endereço: https://www.correios.com.br/concursocartas

Concursos anteriores – Na disputa internacional, o Brasil já ganhou 3 medalhas de ouro (1972/1988/2006), 2 medalhas de prata (1978/1980), 2 medalhas de bronze (1992/2015) e recebeu menções honrosas em 2009, 2012, 2016, 2017 e 2018. Na classificação internacional, o Brasil só é superado pela China (5 medalhas de ouro).


Com informações de Correios


A Eco135, concessionária que administra as rodovias do Centro/Norte de Minas Gerais, em conjunto com a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (SEINFRA) - órgão responsável pela fiscalização do contrato -, decidiu postergar em 30 dias o reajuste tarifário anual que ocorreria no próximo dia 1º de abril, conforme previsto no contrato de concessão.

A tarifa de pedágio vigente no lote administrado pela Eco135 seria corrigida segundo a variação da inflação medida pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) acumulada nos últimos 12 meses que, entre março/2020 e fevereiro/2021.

Assim, a tarifa básica praticada nas cinco praças da BR-135 e uma na LMG-754 permanecerá provisoriamente em R$ 7,50 para veículos de passeio e o mesmo valor por eixo para veículos comerciais.

A Concessionária esclarece que os valores arrecadados nas praças de pedágio são aplicados em obras de melhorias, conservação e manutenção, serviços de apoio aos usuários nas rodovias, que seguiram funcionando durante a pandemia. Neste ano, com a aprovação do licenciamento ambiental das obras pelo Conselho de Política Ambiental (COPAM), será dada continuidade às ações de melhoria nas rodovias, entre as quais estão as obras de duplicação, a implantação de novas faixas adicionais, além de acostamento, contorno viário e a recuperação profunda do pavimento. Além disso, parte do arrecadado é revertido aos municípios atravessados pelas rodovias, em forma de ISSQN.

A Eco135 informou através de nota que segue trabalhando para entregar a seus usuários melhores condições de trafegabilidade e segurança, colaborando no desenvolvimento da região, cumprindo os compromissos assumidos no contrato de concessão em entendimento com o poder concedente.


Com informações de Eco135

As praças de pedágio no trecho sob concessão da Eco135 terão suas tarifas reajustadas a partir da zero hora do dia 1º de abril de 2021. O reajuste anual segue as diretrizes do Contrato de Concessão SETOP 004/18, firmado com o Estado de Minas Gerais, sob a fiscalização da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade-Seinfra.

O percentual de reajuste será baseado na evolução do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado entre março de 2020 e fevereiro deste ano. Com isso, os valores serão corrigidos nas cinco praças de pedágio da BR-135, entre Montes Claros e Curvelo, e na praça da LMG-754, próxima a Cordisburgo, ficando em R$ 8,00 para veículos de passeio, R$ 8,00 para veículos comerciais por eixo e R$ 4,00 para motos.

TIPO DE VEÍCULOS

Nº DE EIXOS

RODAGEM

VALOR

Automóvel, Caminhoneta, furgão

2

simples

R$ 8,00

Caminhão leve, ônibus, caminhão-trator e furgão

2

dupla

R$ 16,00

Automóvel, caminhonete e furgão com semi-reboque

3

simples

R$ 12,00

Caminhão, caminhão-trator, caminhão-trator com semi-reboque e ônibus

3

dupla

R$ 24,00

Automóvel, caminhonete e furgão com reboque

4

simples

R$ 16,00

Caminhão com reboque, caminhão-trator com semi-reboque e ônibus

4

dupla

R$ 32,00

Caminhão com reboque, caminhão-trator com semi-reboque e ônibus

5

dupla

R$ 40,00

Caminhão com reboque, caminhão-trator com semi-reboque e ônibus

6

dupla

R$ 48,00

Caminhão com reboque e caminhão-trator com semi-reboque

7

dupla

R$ 56,00

Caminhão com reboque e caminhão-trator com semi-reboque

8

dupla

R$ 64,00

Caminhão com reboque e caminhão-trator com semi-reboque

9

dupla

R$ 72,00

Caminhão com reboque e caminhão-trator com semi-reboque

10

dupla

R$ 80,00

Motocicleta, motoneta e bicicleta a motor

2

simples

R$ 4,00


Com informações de Eco135

Uma pessoa morreu após ser atingido por várias facadas em uma briga na manhã desta quinta-feira, 18, em Cordisburgo.

A Polícia Militar foi acionada por populares informando que haviam dois indivíduos brigando nas proximidades de um ponto de ônibus na saída da cidade. Ao se deslocarem ao local, testemunhas informaram que os citados começaram a se estranhar no citado local, sendo que um deles estaria portando uma faca e o outro uma barra de ferro, tendo estes se encaminhado até a Rua Cordis, sentido Igreja de Nossa Senhora Aparecida, onde entraram em luta corporal, finalizando com um deles sendo atingido por vários golpes de faca. 

No local, a PM realizou a apreensão da faca utilizada no crime.

A vítima foi encaminhada ao Centro Municipal de Saúde de Cordisburgo, com onze perfurações desferidas por todo o corpo, onde foram prestados os primeiros socorros, entretanto este foi acometido por uma parada cardiorrespiratória, vindo a óbito.

Durante rastreamento, a força tarefa formada por policiais militares e civis de Cordisburgo, com o apoio dos de Araçaí e Paraopeba lograram êxito em localizar e prender o autor do homicídio que encontrava-se escondido em um lote vago, ainda em Cordisburgo, que foi encaminhado à delegacia de Polícia de Paraopeba.

Mais uma vez, as Polícias Militar e Civil deram resposta rápida para a prisão do autor do homicídio.


Por Cordis Notícias
Com informações de Polícia Militar


Durante operação policial em comemoração aos 25 anos do 25° BPM, os policias receberam informações de que um indivíduo estaria com posse ilegal de uma espingarda em Cordisburgo.

Diante da informação recebida os militares realizaram levantamentos e localizaram o indivíduo que durante diálogo junto a esta guarnição afirmou possuir a referida, uma espingarda cal. 32, 6 cartuchos intactos, 5 recarregados e 6 deflagrados.

A arma de fogo foi apreendida e o autor conduzido, até a Delegacia de Polícia Judiciária, onde pagou fiança e foi liberado.


Com informações de Polícia Militar


 A Prefeitura de Cordisburgo publicou nesta quarta-feira decreto com medidas restritivas relacionada a entrada do município da Onda Roxa do Programa Minas Consciente.

As medidas seguem a Deliberação nº 130, do Comitê Extraordinário Covid-19, podendo funcionar as seguintes atividades:

  • setor de saúde, incluindo unidades hospitalares e de atendimento e consultórios;
  • indústria, logística de montagem e de distribuição, e comércio de fármacos, farmácias, drogarias, óticas, materiais clínicos e hospitalares;
  • hipermercados, supermercados, mercados, açougues, peixarias, hortifrutigranjeiros, padarias, quitandas, centros de abastecimento de alimentos, lojas de conveniência, lanchonetes, de água mineral e de alimentos para animais;
  • produção, distribuição e comercialização de combustíveis e derivados;
  • distribuidoras de gás;
  • oficinas mecânicas, borracharias, autopeças, concessionárias e revendedoras de veículos automotores de qualquer natureza, inclusive as de máquinas agrícolas e afins;
  • restaurantes em pontos ou postos de paradas nas rodovias;
  • agências bancárias e similares; IX — cadeia industrial de alimentos;
  • agrossilvipastoris e agroindustriais;
  • telecomunicação, internet, imprensa, tecnologia da informação e processamento de dados, tais como gestão, desenvolvimento, suporte e manutenção de hardware, software, hospedagem e conectividade;
  • construção civil;
  • setores industriais, desde que relacionados à cadeia produtiva de serviços e produtos essenciais;
  • lavanderias;
  • assistência veterinária e pet shops;
  • transporte e entrega de cargas em geral;
  • call center;
  • locação de veículos de qualquer natureza, inclusive a de máquinas agrícolas e afins;
  • assistência técnica em máquinas, equipamentos, instalações, edificações e atividades correlatas, tais como a de eletricista e bombeiro hidráulico; XX — controle de pragas e de desinfecção de ambientes;
  • atendimento e atuação em emergências ambientais;
  • comércio atacadista e varejista de insumos para confecção de equipamentos de proteção individual — EPI e clínico-hospitalares, tais como tecidos, artefatos de tecidos e aviamento;
  • de representação judicial e extrajudicial, assessoria e consultoria jurídicas;
  • relacionados à contabilidade;
  • serviços domésticos e de cuidadores e terapeutas; 
  • hotelaria, hospedagem, pousadas, motéis e congêneres para uso de trabalhadores de serviços essenciais, como residência ou local para isolamento em caso de suspeita ou confirmação de COVID-19;
  • atividades de ensino presencial referentes ao último período ou semestre dos cursos da área de saúde;
  • transporte privado individual de passageiros, solicitado por aplicativos ou outras plataformas de comunicação em rede.

Em boa parte do Decreto, continuam as restrições contidas no outro Decreto publicado na última sexta-feira.

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O DECRETO COMPLETO


A Prefeitura de Cordisburgo publicou processos seletivos simplificados para contratação temporária.

As vagas são as seguintes:

ENFERMEIRO - ESF
Vagas: 01 + Cadastro de Reserva
Escolaridade: Curso Superior de Enfermagem
Cargo Horária Semanal: 40 horas
Vencimento Mensal: R$ 2.336,84
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O EDITAL

PROFESSOR DE ENSINO FUNDAMENTAL II
Vagas: 01
Escolaridade: Magistério Superior ou Pedagogia
Cargo Horária Semanal: 24 horas
Vencimento Mensal: R$ 1.733,29
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O EDITAL

As inscrições para o cargo de Enfermeiro poderão ser efetuadas de forma presencial na Secretaria Municipal de Saúde, localizada na Rua Frei Estevam, n° 111 - Centro, entre os dias 16 e 22 de março, das 8h00min às 11h00min e das 13h00min às 16h00min.

Já para o cargo de Professor, as inscrições poderão ser efetuadas na Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, localizada na Avenida Padre João, n° 407 - Centro, entre os dias 15 e 17 de março, das 13h30min às 16h00min.

O governador Romeu Zema (NOVO) determinou que todas as 853 cidades mineiras sejam classificadas na onda roxa, a mais restritiva do programa Minas Consciente, a partir desta quarta-feira (17).

Nesta fase, a população só pode sair de casa para realizar tarefas essenciais (veja a lista abaixo) e há toque de recolher diário, das 20 horas às 5 horas.

A informação foi confirmada pelo próprio governador, após reunião com prefeitos, na noite desta segunda-feira (15). Zema alegou que foi necessário tomar a decisão diante um avanço simultâneo da pandemia em todas as regiões do Estado.

É uma medida dura, mas extremamente necessária no momento para evitar um cenário pior do que este que já estamos vivendo.

Segundo o governador, as restrições devem valer por ao menos 15 dias. O chefe de Estado convocou a PM (Polícia Militar) para endurecer a fiscalização nas ruas e evitar aglomerações.

Fábio Baccheretti, secretário de Saúde recém-empossado, também participou do encontro e destacou que sua equipe vai trabalhar para abrir mais vagas de internação nos hospitais.

Segundo o governo de Minas, diferentemente do que ocorre com as outras três fases do Minas Consciente, a adesão à onda roxa é obrigatória.


Veja as proibições da onda roxa:

     • Proibição de circulação de pessoas e veículos para atividades não essenciais;

    • Toque de recolher entre 20h e 5h;

    • Proibição de circulação de pessoas sem máscara, em qualquer espaço público ou de uso coletivo;

    • Proibição de circulação de pessoas com sintomas de gripe, exceto para atendimentos médicos;

    • Proibição de realização de reuniões presenciais, inclusive de pessoas da mesma família que não moram na mesma casa;

    • Proibição de qualquer tipo de evento, público ou privado, que possa causar aglomeração;

    • Criação de barreiras sanitárias de vigilância.


O que pode abrir na onda roxa:

    • Setor de alimentos (excluídos bares e restaurantes que só podem funcionar via delivery);

    • Serviços de saúde (atendimento, indústrias, veterinárias, etc.);

    • Bancos;

    • Transporte público (deslocamento para atividades essenciais)

    • Energia, gás, petróleo, combustíveis e derivados;

    • Manutenção de equipamentos e veículos;

    • Construção civil;

    • Indústrias (apenas da cadeia de atividades essenciais);

    • Lavanderias;

    • Serviços de TI, dados, imprensa e comunicação;

    • Serviços de interesse público (água, esgoto, funerário, correios, etc).


Com informações de Governo de Minas e R7





Acontece entre os dias 12 e 18 de abril de 2021 o Festival Janelas Roseanas, de forma virtual.

Quantas janelas um escritor é capaz de abrir? Quantas pessoas se assomam a essas janelas e passam a olhar o mundo e a si mesmas de outra perspectiva? A literatura de alta tensão, que nunca se esgota, que é necessário ler, reler e transler, é uma janela que propõe enigmas e múltiplas leituras e abre outras e infinitas janelas. Na obra do escritor mineiro Guimarães Rosa (Cordisburgo, 1908-Rio de Janeiro, 1967), a janela é uma moldura narrativa potente, que nos convida a adentrar no vasto mundo do sertão, que “está em toda parte” e “dentro da gente”. 

Em um 2020 desafiador, passamos a olhar o mundo de janelas reais e virtuais. Para manter a literatura viva, os integrantes da Oficina de Leitura Guimarães Rosa IEB-USP se encontraram em uma plataforma digital. Parte desse grupo também produziu uma Semana Roseana em parceria com o IEB-USP e mais de 40 podcasts. Dessa experiência nasceu o Janelas Roseanas, projeto inscrito no PROAC emergencial que foi contemplado e está em fase de produção, com estreia prevista para 12 de abril.

Ao longo de mais de 20 anos são tantas as janelas que do sertão de São Paulo se abriram para o sertão de Rosa que foi difícil definir as sete que compõem este festival-mosaico: “7 Diálogos do sertão de cá com o sertão de lá”, além de um bônus: a Bitaca do sertão, um bazar online com muitas belezas do Brasil profundo. 

No Festival Janelas Roseanas, Cordisburgo estará presente nas seguintes lives:

  • Veredas Acadêmicas, com Brasinha, Marcia Morais e Cecilia Marks.
  • Janelas da Memória, com Ronaldo Alves e Beth Ziani.
  • Janelas do Narrar, com Dôra Guimarães, Elisa Almeida e Fernanda Rivitti.
  • Grande Minhocão: Veredase outras Veredas, com Fábio Barbosa, Gil Veloso e Almir Paraca.

Além de produtos dos artesões que serão vendidos no bazar virtual Bitaca do Sertão.

Tiago Goulart também está presente na criação do folder e da identidade visual do evento. 

Somos que vamos. Nos acompanhem nesta travessia.


Ilustração: Tiago Goulart
Texto: Regina Pereira

 

Um bar da comunidade de São José das Lages, zona rural de Cordisburgo, foi fechado por descumprimento do Decreto Municipal que determina medidas emergenciais e restritivas como forma de prevenção e controle do contágio da Covid-19.

O fechamento do estabelecimento comercial foi realizado pelo Setor de Vigilância Sanitária, com o apoio da Polícia Militar, após o recebimento de denúncia.

Ao chegarem no local, após às 23h, foi constatado o bar aberto, com venda de bebidas alcóolicas e com um grande número de pessoas sem o uso de máscaras.

Assim, o estabelecimento foi fechado e teve seu alvará de licenciamento suspenso pelo prazo de 15 dias.

O Decreto n°. 1383 começou a ter validade neste sábado, e conta com uma série de medias como horário de funcionamento aos finais de semana até às 19h, lockdown diário a partir das 21h e a proibição do consumo de bebidas alcóolicas. Todos estes tópicos teriam sido descumpridos pelo referido bar.

Nos casos de reincidência os estabelecimentos poderão ter suspenso o alvará por 30 dias ou enquanto perdurar a pandemia.

Eventuais denúncias poderão ser efetuadas ao setor de Vigilância Sanitária pelo telefone (31) 99512-2475 ou à Polícia Militar pelo (31) 99232-5110.

A Comendadora do Priorado dos Inconfidentes, Fabiana Frederighi, por meio de edital, abre inscrições para a Seleção Poesia Brasileira "Dores e a Transformação 2021".

O concurso é totalmente gratuito e para todo o Brasil, com inscrições limitadas até o dia 20 de março.

Fazendo a analogia com a "Nácar" que constitui a Madrepérola na ostra que se protege de um corpo estranho em seu organismo provocando, através das dores da necessidade de uma transformação, em algo dessa maravilha da natureza! A MADREPÉROLA, segue a ideia principal desse concurso.

AS DORES E A TRANSFORMAÇÃO – As poesias podem ser livres sem regras como trovas, etc. E, ainda podem ser em todos os sentidos, desde o tema da Homossexualidade até a libertação de Crenças limitantes de qualquer segmento, como de família, profissão, casamentos, filhos, obesidade ou aceitação do seu corpo e muitos outros.

O livro será de boa qualidade, com folhas marfim, capa com brilho e alta resolução de imagem, ficha catalográfica, ISBN, e código de Barras – podendo ser vendidas em estabelecimentos.

A intenção é que se tenham 100 unidades de poesias no livro, sendo os mais votados por uma banca julgadora que já foi instituída por acadêmicos, finalizando em uma seleção dos 10 primeiros lugares onde receberão a condecoração de medalhas literárias do projeto, além de ganhar um dia de autógrafos em espaço a ser determinado. 

As inscrições podem ser feitas pela internet através da Plataforma Sympla, onde também está disponibilizado o regulamento do concurso. CLIQUE AQUI PARA ACESSAR.


Tecnologia do Blogger.