Estamos vivendo um momento atípico no que tange aos ventos fortes neste início do mês de Julho de 2017.

Com o vento a favor, a prática de soltar pipas aumenta, e com ela alguns cuidados devem ser tomados para se evitar acidentes.

Com a adoção de algumas medidas de segurança é possível se divertir sem colocar vidas em risco. O primeiro vilão é o cerol, aquela mistura de cola e vidro, que é passada na linha para disputar a pipa do outro, prática que, embora pareça divertida, provoca inúmeros casos de morte por cortes da linha.

O segundo vilão é a nossa falta de atenção porque no momento de empinar a pipa só olhamos para o alto, e, com isso, corremos o risco de atropelamento, queda de lajes ou buracos.

O local mais indicado é um terreno plano, sem muitos obstáculos e, se for soltar pipa na rua, tome cuidado com ciclistas e motociclistas que podem ser atingidos pela linha. Outro perigo está, muitas vezes, na rede elétrica, pois o simples ato de tentar puxar uma pipa presa aos fios de alta tensão pode provocar uma violenta descarga elétrica, capaz de levar à morte.

• Não use linhas com fio de cobre ou cerol, pois só as de algodão são seguras. A maioria dos acidentes com cerol ocorre na região do pescoço, ao provocar graves hemorragias que em alguns casos podem provocar morte;
• Preste atenção a motocicletas e bicicletas, pois a linha, mesmo sem cerol, é perigosa para os condutores;
• Não solte pipas perto de fios ou antenas para evitar choques elétricos;
• Não solte pipas em dias de chuva ou relâmpagos;
• Não retire pipas presas em fios de transmissão de eletricidade ou árvores, nem faça pipas com papel laminado, pois o risco de choque e acidente é grande;
• Procure locais abertos como parques, praças ou campos de futebol;
• Não solte pipa em lajes ou telhados, para evitar quedas;
• Olhe bem onde pisa, especialmente quando andar para trás, para não cair;
• Caso a linha seja cortada, não corra atrás da pipa sem observar se o caminho é seguro, como atravessar ruas e passar por buracos, para evitar acidentes;
• Tente soltar pipa sem rabiola, como as arraias ou sureco. Na maioria dos casos, ela prende no fio por causa da rabiola.

A diversão faz bem à saúde, mas divirta-se com segurança.

Por Antônio Maria Clarete

Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.