Imagem: Lúcia Goulart 
A Escola Estadual "Cláudio Pinheiro de Lima" desenvolveu o projeto "Pipa no ar: Brincando e aprendendo com segurança" onde os alunos demonstraram os conhecimentos adquiridos através de cartazes, poesias, hakai, estudos de textos, dobraduras, murais, relatórios, palestras, pinturas no muro da escola, deixando assim marcas de compreensão e sabedoria ao empinar pipas com segurança.

A Polícia Civil do Estado de Minas Gerais, através da Delegacia de Polícia Civil de Cordisburgo, participou, nos dias 26 e 27 de agosto, do projeto. A equipe da Delegacia apresentou a cerca de 200 adolescentes, com idade entre os 12 e 16 anos, do 6º ao 9º ano do ensino fundamental, os riscos e as consequências do uso de linhas cortantes para soltar pipa, especialmente o cerol. 

Os policiais civis explicaram aos jovens que soltar pipa é uma brincadeira salutar, especialmente nesta época do ano, porém o uso de linha cortante pode transformar a brincadeira em crime, como dano, lesão corporal ou até mesmo homicídio, estando sujeito ainda a multa, conforme a lei n.º 14.349/2002.

No dia 29 de Agosto, ocorreu a culminância do projeto na Praça de Esportes (Vista Alegre Country Clube) onde os alunos puderam soltar pipas, e através de uma comissão julgadora, foram premiados os melhores após apuração de vários critérios.

Ações como esta são de grande importância para a cidade, pois conscientizam os alunos, mobilizam toda a escola e fazem com que a prática de soltar pipa seja bem mais prazerosa!

Reportagem: Lucas Gustavo
Agradecimentos: Ascom Polícia Civil
Imagens: Lúcia Goulart e Polícia Civil











Postar um comentário

Regras de comentário:

PROIBIDO
Comentários ofensivos.
Xingamentos.
Palavrões.
Spam.
Comentários sem relação alguma com o conteúdo.
Injúrias.

Tecnologia do Blogger.